Jovens que proclamam a Palavra de Deus.

sexta-feira, 31 de maio de 2013

Às 10:22 por Amanda Oliveira Barbosa | TAGs: , ,    Sem comentários
      Parece nome de livro né? hahaha Parei! Mas não. Eis o que se sucedeu nesse último fim de semana: meu pai achou um escorpião lá em casa. Pequeno, daqueles amarelinhos, vivinho da Silva, passeando no quarto. Nunca tinha aparecido nenhum lá e, claro, ficamos assustados. Antes de dormir, fiz aquela "revista" no quarto, olhando embaixo da cama, nos lençóis, atrás de escrivaninha, nas cortinas... Paranóia instaurada :P E aí, "A" voz falou no meu coração: Já pensou se você fosse tão cuidadosa com o pecado na sua vida como tem sido com esse escorpião?
      Temos vivido tão alheios ao pecado, esquecendo o quanto ele é perigoso. Sim, pecamos e pedimos perdão, mas muitas vezes isso se torna um hábito. Nos "conformamos" com ele. O pecado, assim como o escorpião, é perigoso. Se infiltra; a princípio, se esconde. E é danoso, perigoso e letal. Já postamos esse vídeo aqui, mas só para você relembrar:


"....porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor." (Romanos 6:23)
      O pecado não mata não só o corpo. Vai matando a alma, o espírito. E essa questão é eterna. E nela, só Jesus pode dar jeito. Nem religião, nem boas ações, nem pais ou amigos, nem médicos ou psicólogos (por melhores que eles sejam) podem sozinhos nos libertar. 
      Que possamos parar, refletir e, se quisermos de verdade viver pra Deus, que possamos tratar o pecado com a dureza e seriedade necessária. 


0 comentários:

Postar um comentário